(51) 3249.2837 e (51) 99817.2943 [email protected]

Dicas do Professor Alexandre

  • Para cada hora de aula particular, é conveniente estudar no mínimo outra, a fim de que a matéria ministrada seja realmente dominada pelo aluno. Lembre-se que o sucesso em matemática depende de muito treino em variados exercícios e repetição constante.
  • Organize seu tempo para estudo, no mínimo, 2 horas diárias, fazendo isso você não irá precisar, necessariamente, estudar nos fins de semana.
  • Durma bem, é importante repousar no mínimo 8 horas diárias, uma mente cansada dificilmente conseguirá assimilar bem a matéria estudada.
  • Escolha um local agradável para seus estudos, lugares com muito barulho não são recomendáveis, pois você não conseguirá concentrar-se bem no que está fazendo.
  • Tenha uma vida saudável, pratique exercícios, alimente-se bem, aproveite as férias e feriados para descansar a mente e voltar ao pique dos estudos com “todo o gás”.
  • Na prova, seja o primeiro a chegar e o último a sair. Se terminou cedo a prova, melhor: revise seus cálculos. Muitas vezes por causa de pequenos erros ou detalhes despercebidos erramos questões complexas.
  • Tenha seu horário de estudo para revisar as matérias do dia, não deixe para estudar tudo na véspera da prova: você poderá ter dúvidas e não ter tempo para saná-las.
  • Eu, particularmente, nunca estudei com música, mas entendo que se for uma música calma e em volume baixo não há problemas. Tente sempre se focar no que está fazendo, evitando distrações, telefonemas, mp3, a foto da namorada ou do namorado…
  • Em matemática, fatore e racionalize sempre. Seja na escola, no vestibular ou em concursos se você não racionalizar, nunca encontrará a resposta certa.
  • Se você estudar mais de duas horas, dê um recreio para você mesmo! Por exemplo, a cada 50 minutos de efetivo estudo, levante, tome uma água, coma um biscoito… e depois volte.
  • Alimente-se. Não estude com fome. Mantenha também um copo de água na mão, além das canetas.
  • Durma bem. Sua mente também precisa de descanso, e muitas vezes a tela de um computador cansa mais do que relaxa.
  • Procure reservar um tempo para fazer atividades desestressantes, que você curta e que lhe reponham o equilíbrio mental diário. O ideal seria atividades físicas, como caminhadas, ginástica, ou seja, atividades aeróbicas em geral, desta forma você conseguirá aliviar a sua cabeça ao mesmo tempo em que fará circular mais sangue no seu cérebro, isso ajudará muito no seu desempenho. Lazer não é perda de tempo: é tão importante quanto todos os outros cuidados.
  • Defina prioridades no seu estudo. Se não puder estudar toda a matéria, garanta a pontuação naquilo que você sabe. Procure saber pelo seu professor quais matérias caem mais e seu peso na nota final. Isso pode ser fundamental na organização do seu estudo. Se não conseguir com o professor, busque provas anteriores e veja a distribuição das questões.
  • Faça resumos da matéria, com uma espécie de esqueleto com todos seus tópicos. Use cores, destaque itens que acha importante: sua memória lembrará disso. Revise a matéria na ordem direta e inversa: isso faz com que você tenha noção do todo e não somente das partes isoladas.
  • Em provas, sempre comece fazendo as questões que você realmente domina e sabe. Assim, você ao longo da prova terá maior confiança para resolver aquelas mais difíceis. Especialmente em vestibulares e concursos questões fáceis e difíceis têm o mesmo peso; então, comece acertando.
  • Seja organizado. Não deixe folhas soltas no caderno ou na mochila. Tenha pastas de cada matéria onde você facilmente encontrará aquela prova de seis meses atrás em que você foi mal e cuja matéria cairá na prova cumulativa da semana que vem.
  • Planeje seus estudos. Decida o que vai estudar, quando vai estudar, e onde vai estudar. Muitas vezes, a serem diariamente estudadas. Em uma semana, você verá que estudou muito!